16 de abr de 2012

1. A chegada ( Parte III )


( Inês )
Sabia que estas férias iriam ser bem aproveitadas, mas depois de saber que a Diana é prima de um rapaz lindo, de olhos azulados com um lindo sorriso, ainda fiquei a acreditar nisso. Quando formos jantar, estava a arranjar pretexto para falar com ele.
( Inês ): Louis, podes passar-me a salada?
( Louis ): Sim, claro! - ele pegou na taça, e deu-ma . - Toma.
( Ilídia ): Já reparaste na tenção entre aqueles dois? - sussurou-me, " apontando" para a Lara e um rapaz com uma crista, pelo que percebi, Zayn.
( Inês ): Não sei, depois perguntamos.
( Mãe ): Diana, querida, o teu primo e os amigos ficam cá nas férias, esqueci-me de te dizer. Como no teu quarto tens um beliche, uma das tuas amigas tem de dormir contigo, para termos os quartos suficientes.
( Lara ): Eu fico, tia. Não se preocupe.
( Louis ): Tia, mas uma vez obrigado por nos receber. Não é toda a gente que recebe o sobrinho e quatro amigos tolinhos, haha.
( Mãe ): De nada, querido. Eu até gosto de ter a casa cheia de gente.
( Harry ): Podes-me passar a cola ? - perguntou para a Diana, que lhe deu a cola toda nervosa como se estivesse perante um rei ou assim. - Obrigado. - disse ele, ela apenas sorriu.
( Zayn ): Esta comida está muito boa! - elogiou.
( Lara ): Tu gostas muito dessa comida. - disse, mas parece que disse algo de mal, e tentou remediar. - Estava a perguntar... - disse, ele apenas revirou o olhar, não percebo porquê .

( ... )
Depois do jantar, fomos para o jardim, onde está a piscina. Nós as raparigas ficámos nas esperguiçadeiras, enquanto que os rapazes estavam com os pés dentro de água.
( Louis ): Queres vir à àgua ? - perguntou à Lara.
( Lara ): Porquê não ? - disse, tirando a roupa, ficando de biquini.
( Inês ): Fuck, podia-me ter pedido a mim. - disse, à Chana.
( Chana ): Tem calma, vens comigo.

( Lara )
Não sei o que me deu, mas no jantar foi como se tivesse falado com ele. Obviamente ele nem me ligou, mas depois do que aconteceu ... acho que é normal. Mas eu não queria que as coisas ficassem assim. O que eu fiz foi o que me pareceu ser o mais certo para não sofrer.

Sei que está pequeno. Obrigada a todas pelos comentários, gosto muito de os ler =)

2 comentários: